O jardim das palavras

Nos dias chuvosos, Takao mata as aulas e passa a tarde em um jardim desenhando sapatos. Até que, coincidentemente, passa a encontrar uma mesma moça desconhecida, sentada no mesmo banco em que ele costuma se sentar.
E são nesses encontros fortuitos e quase silenciosos que nasce uma relação especial entre eles, que precisarão decidir como lidar com o fim da época das chuvas que se aproxima.
Kotonoha no Niwa
The Garden of Words
Makoto Shinkai • JP
2013 • 45 minutos
Legendado
Legendado Netflix


cinesakura.blogspot_Kotonohanoniwa_22

Para quem nunca assistiu a um *anime, O Jardim das Palavras, com apenas 45 minutos de duração, é um ótimo título para começar.
Embora seja voltado para o público jovem, agrada a qualquer marmanjo com mais de 18.
E mesmo que você já tenha passado dessa idade, é bem provável que goste também.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O enredo é simples, e conta basicamente com dois personagens: Takao, um adolescente, e Yukari, que a princípio é apenas uma moça desconhecida, que parece ser mais velha.Curiosamente, Yukari está sempre devorando um chocolate e bebendo uma latinha de cerveja (Mas ela tem classe. Não pega mal. A gente até que estranha, mas depois o motivo é revelado.)

E… finalmente, como é de se esperar, os dois acabam ficando mais próximos com o passar dos dias.
Mas a estação das chuvas está perto de acabar…

“In the evenings, before I went to sleep, and in the mornings,
in the moment I woke up, 
I realized I was praying for rain.”
(Percebi que, à noite, antes de dormir, e pela manhã,
no momento em que acordava, eu rezava para que chovesse –
 Takao)
Cada elemento no anime coopera com o clima de tranquilidade: as paisagens, os sons, o tom das vozes, as gotas de chuva caindo. É tudo tão bonito e realista que daria um belo *live action!
Sempre que assisto (é… já vi algumas vezes 😀 , e realmente não tenho o hábito de rever filmes…), fico escalando mentalmente um elenco de atores reais!


Com poucos diálogos, o romance é praticamente contado por meio de cenas criadas com uma arte gráfica impecável.
A trilha sonora é uma delícia e combina perfeitamente com a tranquilidade das cenas com as gotas de chuva caindo no chão ou nas folhas das árvores.
Poesia!

cinemacinesakura.wordpress_Kotonohanoniwa (13)

Depois de assistir ao seu primeiro Makoto Shinkai, se torna impossível não reconhecer seu estilo — a a sutileza de sua técnica impressa em cada detalhe: no tom de voz quase sussurrado e na melancolia dos persoonagens, nos cenários realistas, na arte gráfica impressionante. Estilo esse que rendeu ao O Jardim das Palavras dois prêmios na categoria Melhor Animação: no festival Stuttgart Festival of Animated Film, na Alemanha, e no “18th Fantasia Film Festival“, no Canadá.

Perspectivas realistas… e diferentes… [clique para ampliar]

Dois elementos emprestam realismo às cenas: luz e perspectiva.

O uso dessas estratégias às vezes nos dá a impressão de estarmos assistindo a uma cena em 3-D.

Veja outros exemplos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

O MANGÁ

cinesakura_jardim_das_palavras_manga
Em 2013 foi lançado o romance
Kotonoha no Niwa na revista
Afternoon da Kodansha e,
em 2016, foi lançado em 1 volume
como mangá em português,
O jardim das palavras,
pela editora Newpop.
O roteiro é do próprio Makoto Shinkai e a arte, da Midori Motobashi.
Você pode comprá-lo no site da Newpop.

Obrigada à Nathália, do Da raia a raiz, pela dica!

NO NETFLIX

Infelizmente, tomamos uma overdose de Disney (nada contra) enquanto estamos desnutridos de produções estrangeiras de primeira.
Jardim das Palavras não foi lançada oficialmente no Brasil. E, diga-se de passagem, datas de ‘estreia mundial‘ de filmes japoneses raramente incluem o Brasil.
Mas para compensar, Netflix incluiu O Jardim das Palavras e mais duas animações de Makoto Shinkai em seu catálogo de títulos, legendados em português.
Os nomes, porém, estão em inglês.
Procure por The Garden of Words (O jardim das palavras), The place promised in our early days (O lugar prometido em nossa juventude) e Five centimeters per second (Cinco centimetros por segundo). Todas lindas animações e valem muitíssimo a pena.
Depois de assistir a todas elas, aproveite e assista também, de Makoto Shinkai, Seu Nome., que tem post aqui. Ela não consta no catálogo do Netflix, mas uma versão screener ‘vazou’ na internet e você consegue assisti-la online ou baixá-la com legenda em português.


CURIOSIDADE

O cenário real, que foi retratado no filme, fica em um jardim no Parque Shinjuku Gyoen, um dos mais importantes do Japão.

MAIS CURIOSIDADE

Obs.: a título de curiosidade/esclarecimento/informação/fun-facts — porque sei que alguém detectou algo curioso na primeira imagem, no início do artigo: a folha desenhada no rascunho de Takao é um simples exemplar do bordo-japonês, que serviu de modelo na criação do sapato. 😀 Por alguma razão, Takao desenhou a folha de uma espécie de bordo, mas usou a de outra.

Cinema Cinesakura Jardim das Palavras Bordo
Bordo Japonês – detalhe do sapato (clique para ampliar)
O bordo-japonês, uma das principais espécies de árvores do Japão, é ”primo” direto do bordo-canadense, aquele da bandeira do Canadá.

Inclusive, é uma das espécies mais utilizadas na arte do Bonsai. Além dessas duas, há outras (cerca) de 120 espécies de bordos.
Devido à semelhança com a folha da cannabis, há vários memes do tipo ”totally looks like” pela web.
Então, se você lembrou dela, não foi o único. 😀

TRAILER

Abaixo, a versão do trailer original, em japonês.

Há um trailer para o qual foi feita uma legenda em português, porém, só é possível conferir direto no Youtube, aqui.
E já que você vai estar no Youtube, ouça a trilha original, de Kashiwa Daisuke, que é linda, aqui.


Avaliação:Avaliação: Excelente - Favorito


Gostou do post?
Vote com estrelas logo abaixo do anúncio.

Anúncios

8 comentários em “O jardim das palavras”

Comente.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s