The girl in the sun



The girl in the sun (ou  The Girl in the Sunny Place) | Hidamari no Kanojo
Kosuke é novato na carreira de vendedor e tem uma reunião com um novo cliente. Chegando à empresa, ele encontra, inesperadamente, Mao, uma antiga paixão de escola a quem não via há dez anos — Mao sofria bullying na época e era considerada feia e esquisita. Ok. Ela era esquisita. Mas Mao amadureceu e se tornou uma bela mulher. E agora eles se apaixonaram e decidiram se casar. Porém, Mao guarda um segredo fantástico…

DIREÇÃO ANO GÊNERO DURAÇÃO PAÍS LEGENDADO ONLINE
Miki Takahiro 2013 romance • fantasia 128 min Japão em português em inglês

Estou chegando ao meu centésimo filme japonês e ainda me surpreendo com seu estilo sutil e despretensioso de produzir romances.
Embalado pelo clássico Wouldn’t It Be Nice do The Beach Boys (que casa tão bem com o primeiro amor!), The girl in the sun conta uma história leve, doce e inesperada. Eu o vi sem ter nenhuma informação sobre ele e descobrir apenas no final de que se tratava de uma história fantástica foi uma agradável surpresa!
Curiosamente, os elementos que, juntos, culminam em uma história surreal, são inseridos claramente um a um durante a trama, mas não nos damos conta deles logo de cara – o que acontece em muitos filmes. Você começa a ter uma leve ideia do que pode estar acontecendo no último 1/3 do filme, quando começa a juntar as “pistas”. A certeza só vem mesmo com a revelação do surpreendente segredo de Mao.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A personagem Mao é uma graça com seu estilo *kawaii* (típico das japonesas fofas). Kosuke é do tipo “namorado que toda garota gostaria de ter” e, com Mao, forma o casal perfeito, e você torce o filme todo para que fiquem juntos.
Agora, o mais bacana mesmo neste romance, é a forma como se dá o relacionamento entre Mao e Kosuke: você não verá beijos escandalosos, nem cenas tórridas. A beleza está nos momentos em que estão de mãos dadas, em cada olhar, em cada sorriso. Aqueles típicos momentos das “borboletas no estômago”. Arrancam até um sorriso de quem está assistindo.

Sem sombra de dúvida, The girl in the Sun é um dos filmes mais fofos e mais bonitos aos quais já assisti…
Agora, quem não é muito fã do gênero pode reclamar do final, mas se você gosta de filmes de fantasia, provavelmente vai gostar.

Importante: no final, tocará Wouldn´t be nice com a letra em um fundo preto, mas aguarde, pois o desfecho realmente surpresa acontece logo depois dele.

Se você gosta do gênero, confira outros filmes de fantasia comentados no CineSakura: Love Phobia, Postman to heaven, Sweet rain, Cyborg she e Secret.

Em suma, The girl in the sun é um filme com uma história gostosa de assistir, que casa muito bem com a música tema (Wouldn´t it be nice). Tem uma bela fotografia e a química entre o casal é inegável. E, por que não, cheio de fofura.
Recomendo sem pensar duas vezes!


Avaliação: excelente


Gostou do post?
Vote com estrelas logo abaixo do anúncio.

Anúncios